Seguidores

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Quem lê vive mais, sofre menos. Leitura evita depressão, problemas de saúde



O "Arrastão Literário Tobias Barreto de Menezes", promovido pelo sergipano Evando dos Santos, o 'Homem-Livro', distribuiu quase mil exemplares na manhã de ontem, nos calçadões do centro da capital. Vestido de livro, chapéu de papel com frases emblemáticas do filósofo jurista Tobias Barreto, o ex-pedreiro natural de Aquidabã, de 49 anos, chamou a atenção dos transeuntes, conquistou a confiança de gente tímida com a entrega de um cordel, declamou poemas e distribuiu clássicos da literatura como Senhora, a quem simplesmente lhe direcionava o olhar. Foi assim que o 'Homem-Livro' mostrou o seu prazer e admiração pela leitura.


"Quem lê vive mais, sofre menos. Leitura evita depressão, problemas de saúde e também resolve problemas sociais. O governo do Estado deveria incentivar mais a leitura, baixar os impostos sobre os livros e promover a distribuição de fac-similares de Tobias Barreto", salienta o bibliógrafo, ressaltando que o Brasil exibe uma vergonhosa média de leitura de 1,8 livros por ano, enquanto a Colômbia já chega a 2,8, resolvendo muitos de seus problemas de inclusão social e até de violência no País.

7 comentários:

  1. Ler é ter uma companhia secreta, que nos auxilia em todos os momentos.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Fazer uma boa leitura, além de parendermos mais é muito estimulante para fazermos outras coisas e nos levar a pensar em muitas outras coisas importantes da vida e suas possibilidades. Sempre é bom ler. Leia bons textos, livros, jornais, revistas, etc.

    Abraços

    Francisco Castro

    ResponderExcluir
  3. Realmente é preciso estimular a leitura. Livros são caros e há um grande contingente de analfabetos e analfabetos funcionais(só escrevem o nome) que precisam voltar a estudar para usufruírem desse divertimento que é ler.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. O que dá um certo alento é pensar que nem tudo está perdido... ver pessoas comuns, partindo de ideias simples, e colocando em prática.
    E pessoas como você, divulgando.
    Quem sabe um dia chegaremos lá. ;)

    "Livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. Os livros só mudam as pessoas." (Caio Graco)

    Abraço

    ResponderExcluir
  6. Concordo contigo. O governo deve incentivar mais a leitura!!!
    Parabéns pelo post!!!


    De:http://exatasnet.blogspot.com/

    ResponderExcluir

  • Leia também: