Seguidores

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Mais rápido do que avião caça

O especialista diz que o estudo é um exemplo de como tais exibições, realizadas com a intenção de atrair uma parceira para o acasalamento, podem ser observadas para verificar os limites das habilidades dos animais.

O mergulho do beija-flor da espécie Anna é mais veloz do que a do falcão peregrino, cuja velocidade máxima chega a cobrir 200 vezes o comprimento de seu corpo a cada segundo.

O pesquisador americano Christopher Clark usou fêmeas de beija-flor empalhadas para induzir os pássaros a fazerem uma exibição impressionante, que ele registrou com câmeras especiais para capturar objetos em alta velocidade. As câmeras capturavam imagens de 500 quadros por segundo.

As aves da espécie conhecida como Anna, que vivem no sudoeste dos Estados Unidos, atingiram velocidades que cobrem um trajeto 383 vezes o comprimento de seu corpo a cada segundo.

De acordo com Clark, o espaço percorrido medido, levando-se em conta o comprimento do corpo da ave e a velocidade máxima atingida pelo animal, foi "maior do que a de um avião caça com sua câmara de combustão auxiliar ligada (o que ajuda a aumentar a velocidade) ou do ônibus espacial durante a reentrada na atmosfera".

O caça pode chegar a cobrir 150 vezes a medida do seu comprimento em um segundo, e o ônibus espacial, 207 vezes.

Mas os caças têm capacidade de acelerar mais e ultrapassar os beija-flores.

Beija-flor (arquivo)

Clark quer ver observados os limites das habilidades dos animais

Nos últimos estágios de seu mergulho, quando as aves abrem as asas para um voo ascendente, "a aceleração instantânea dos beija-flores é maior do que a de qualquer organismo de que se registrou previamente manobras aéreas", disse Clark.

E ele atinge essa velocidade sem a ajuda de um poderoso motor de jato, acrescenta.

7 comentários:

  1. Saudações Fraternas!
    Amigo Ivandro,
    Que excelente notícia!
    Sabe amigo, quando eu era criança li em uma revista da seleções Reader's Digest, o seguinte: "Tudo o que um homem imaginar um outro será capaz de fazer", daí tenhamos a quase certeza que o homem até o final deste século deve superar em uma dezenas de vezes qualquer pássaro com os aviões. Provavelmente ele dominará, o que poderíamos chamar de "o pulo do gato".....Agora ele saber como é que o gato cai...é que é a grande questão???????De repente no próximo milênio o velinho lá em cima ajude o homem a desvendar os segredos do domínio de planar as tempestades, aterrizagens, usar só uma asa....Talvez!!!!
    Mas, eu vou ficar torcendo pela evolução das ciências, o futuro depedende dela, desse beija-flor acima e de milhares de espécies!
    Parabéns!
    LISON.

    ResponderExcluir
  2. Essas coisas dos animais me impressionam. De fato, nada a ver com o assunto, me fazem ter mais fé em deus rs

    abraço

    ResponderExcluir
  3. Caraca, fiquei impressionado!
    Show de bola mesmo!
    Muitxo loco!
    Ja tinha ouvido falar que o Beija-Flor é uma das aves mais interessantes que existe...
    mais ver dados assim, nunca...
    Muito Show!

    ResponderExcluir
  4. Isso mostra como a engenhosidade da natureza está muito á frente das criações humanas. É por essa e por outras que o ser humano deveria respeitar mais o planeta onde vive, para aprender mais com ele.

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Os animais estão sempre nos dando lições, mas a maioria parece que não se dá conta disso. Um dia, talvez mais próximo do que imaginamos, essas lições serão mais explícitas e o homem, então, se envergará diante dos animais, mostrando-se por inteiro e revelando-se ser mais irracional do que qualquer outro ser vivente da natureza.

    Abraços,

    André

    ResponderExcluir
  6. Sempre fui fã desta ave frágil, mas lindíssima. Suas penas parecem ser formadas com milhões de cores que vão mudando a depender da intensidade da luz. A notícia de que é mais veloz do que o falcão peregrino é impressionante. Viva o beija-flor.

    ResponderExcluir

  • Leia também: